Para Suporte Imediato no Local ou Remoto Tel: +55 (11) 3404-3793

Quando devo formatar meu computador?

Date: May 8, 2017 Author: admin Category: Dicas hadwares Mundo Digital

Aposto que muitos de vocês ficam com certo receio em formatar seus computadores, mas não há motivos para se preocupar. Todos os dados de importância são salvos em pen-drive ou HD externo antes que a formatação ocorra, e depois são adicionados novamente à máquina.

Posso mensurar o quão boa é a sensação de usar um computador ou notebook novinho em folha. Tudo flui perfeitamente, os comandos e respostas são rápidos, os programas e aplicativos funcionam corretamente, e travar é algo que esta longe de acontecer.

Mas depois de certo tempo de uso, a máquina passa a apresentar alguns problemas, os quais podem ter necessidade de formatar o disco.

Porém é importante saber em que casos formatar seu computador é a escolha certa.

Uma das situações em que a formatação é a melhor saída é quando o Windows passa a demonstrar muita instabilidade e trava constantemente. Isso ocorre devido ao próprio uso do computador, às instalações e, posteriormente, desinstalações de programas no sistema.

Outra situação é por conta do ataque de vírus à máquina. Nestes casos mais extremos, a formatação deve ser cogitada como principal solução para melhorar o rendimento do seu computador.

Embora esses problemas sejam muito frequentes em computadores e notebooks, não precisamos esperar que algo assim ocorra para apelarmos para a formatação. Especialistas defendem, que uma formatação em certos períodos de tempo só traz benefícios ao computador e faz crescer o rendimento.

E esta ação pode fazer muito mais do que apenas resolver o problema com o qual seu computador estava sofrendo. Ela traz muitas outras vantagens, como: liberar frações dispersas de programas já excluídos do seu disco que só tornam o seu PC lento, reorganizar programas, repor definições originais do Windows ou Office que foram perdidas por algum motivo, reinstalar com organização os programas que são realmente necessários, excluir definitivamente programas que o usuário não consegue desinstalar, e, claro, limpar o disco.

É importante lembrar que a formatação deve ser feita por um especialista para que tudo seja realizado com segurança.